segunda-feira, 30 de novembro de 2009

VENTOS E TEMPESTADES DA VIDA


Um escritor inglês, do século passado, conta em uma de suas obras que na praia perto de sua casa, uma coisa muito interessante podia ser vista com freqüência: um navio lançando a sua âncora no mar enfurecido.

Dificilmente existe uma coisa mais interessante ou sugestiva do que essa. O navio dança sobre as ondas. Parece estar sob o poder e à mercê delas. O vento e a água se combinam para fazer do navio o seu brinquedo. Parece que vai haver destruição; pois se o casco do navio for lançado sobre as rochas, será despedaçado.

Mas observamos que o navio mantém a sua posição. Embora à primeira vista parecesse um brinquedinho desamparado à mercê dos elementos, o navio não é vencido. Qual é o segredo da segurança deste navio?

Como pode resistir às forças da natureza com tanta tranqüilidade?Existe segurança para o navio no meio da tempestade porque ele está ancorado! A corda à qual ele está amarrado não depende das águas, nem de qualquer outra coisa que flutue dentro delas.

Ela as atravessa e está fixada no fundo sólido do mar. Não importa quão forte o vento sopre ou quão altas sejam as ondas do mar... A sua segurança depende da âncora que está imóvel no fundo do oceano. Muitas vezes nos sentimos no meio de uma tormenta, sendo jogados pelas ondas da vida para cima e para baixo e açoitados pelo vento da adversidade.

Parece-nos, às vezes, que não conseguiremos sobreviver a determinados períodos de nossas vidas. Sem uma vida espiritual, a nossa vida é como um navio sacudido pelo mar enraivecido das circunstâncias incontroláveis da vida. Mas, confiando em Deus, experimentamos sua presença e amor como âncora da nossa vida.

Nos sentimos encorajados e esperançosos. Essa esperança mantém segura e firme a nossa vida, assim como a âncora mantém seguro o barco.

L. R. Silvado


endereço: internet

imagem: liztarot.blogspot.com



20 comentários:

Kelly disse...

Jorge, que bela reflexão sobre algo que nem prestamos atenção. Realmente a importância da âncora é muito grande para o barco, e tendo Deus como nossa âncora não temos do que temer. òtima semana para você, bjs

Marcia disse...

Ah, meu amigo que lindo post!
Que seria de nós diante das adversidades que todos nós temos que enfrentar sem a nossa âncora, -a nossa fé??? Aliás estas intempéries vem justamente para nos aproximar do nosso Criador.
Beijos e grata.

Blogat disse...

Bom mesmo é poder encontrar o caminho das águas serenas,e nelas navegar...bj

*Teresa Cristina* disse...

Linda reflexão!
Obg por compartilhar;)
Tudo posso Naquele que me Fortalece!!Deus é a nossa âncora.
Uma boa noite pra vc amigo
bjss no ♥
Tem selinho pra ti no blog*Ü*

Angela Guedes disse...

Oi Jorge!!!
A corrente da âncora de nossa alma é a Palavra de Deus e é ela que nos mantém seguro e firme.
Passei para agradecer e retribuir a sua visita ao meu blog.
Nenhum caminho é longo demais quando um amigo nos acompanha.
Beijos
Ângela

Jorge disse...

Kelly

Só lembramos de Deus na hora em que o navio balança muito não é mesmo?

Um beijo,
Jorge

Jorge disse...

Márcia,

Nada a dizer do seu comentário. Já disse tudo!!

Beijo,
Jorge

Jorge disse...

Alice, olá!!!

É mesmo, não é?
Mas se fosse apenas calma, como saberíamos encarar as águas revoltas?

Um beijo,
Jorge

Jorge disse...

Teresa!

Confiar em Deus é podermos caminhar acima das águas revoltas. A questão que fica é se acreditamos que podemos caminhar acima das águas.

Obrigado pelo selo, minha amiga!!!

Um beijo

Jorge disse...

Angela,
obrigado pela sua visita.
Sem amigos o caminho é mais sombrio.

Beijo
Jorge

Anônimo disse...

Acreditar e Persistir...pois até o que nos parece impossível...é capaz com tda a Força de Nosso Amor de flutuar.Sobre águas limpídas e cristalinas da Nossa FÈ*** Muita Paz e Luz Pra ti !!! Um abço carinhoso!!!

Cris França disse...

Ola meu amigo Jorge,

vim te ler e dou de cara com esse texto, que me tocou profundamente, como é verdadeiro isso, como nós homens precisamos disso.
De um norte, de uma ancora, de um destino, de uma direção para atravessar as tempestades do coração e da vida, eu que ja naveguei em grandes turbulências de mares revoltos, sei o valor da minha. Um beijo a vc, linda mensagem!

Jeanne disse...

Só a fé mesmo fortalece em todos os momentos, se não fosse por ela, seríamos facilmente vencidos...
Buscar forças na oração é um bom recurso.
Beijos

Jorge disse...

Anônimo, bom dia!!!
Creio nem nós sabemos do nosso potencial. Colocamos limites por falta do auto-conhecimento.
Se acreditarmos, podemos e se persistirmos, conseguiremos.

Um super beijo,
Jorge

Jorge disse...

Cris,
Se você olhar para trás, veja quanto já superou. A tua força hoje é a soma das provas superadas no passado.

Um beijo, de coração,

Jorge

Jorge disse...

Jeaane,
a fé e a oração são a sustentação e alavanca para o nosso crescimento.

Um beijo, minha amiga,
Jorge

Norma Villares disse...

Jorge, muito obrigada pela excelência da gentileza, da atenção e do cuidado. Amigos aparecem, somente os verdadeiros mosrtam-se solidários nos momentos de dor.
Esse planeta GAYA agradeçe.
Obrigada pela gentileza diária, presente nos momentos difíceis. Sua visita e comentário sempre trás alento ao coração
Abraços sublimes

Jorge disse...

Norma, olá!!!

Minha amiga, a nossa amizade, mesmo que recente, já é sólido. As vibrações são uníssonas e nos ligam sempre mais.
Então, entre os amigos, tudo há de ser sublime!

Beijo, de coração,
Jorge

Adelia Ester Maame Zimeo disse...

A vivência espiritual, auxilia muito, nutrindo a alma com proteínas adequadas. O fortalecimento interno é a base para o empreendimento da caminhada nesta Vida. Beijo.

Jorge disse...

Lia, grande amiga!

A base é a proteina.
Proteina da confiança, da paciência, da serenidade, da alegria; enfim de forças que só uma alma consciente tem.

Lia, saudade!!!

Jorge

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails