quinta-feira, 28 de julho de 2011

VIVENDO DE MODO CONSCIENTE


O que diferencia o homem dos demais seres vivos é a consciência.

Entretanto, a maioria de nós vive movida pelas reações instintivas, que nos levam a comer, beber, dormir e praticar sexo, de maneira totalmente inconsciente, como os animais irracionais.

O primeiro estágio da consciência diz respeito ao corpo físico.

É preciso estar atento às suas mensagens, pois o corpo fala, manifesta seus desejos e necessidades.

Porém, a maior parte das pessoas ignora essa linguagem, e não se preocupa, por exemplo, com os alimentos que coloca dentro de seu corpo, como se ele tivesse o poder mágico de transformar venenos em substâncias benéficas.

A maior prova disso é que muitos são incapazes de se lembrar do que comeram no dia anterior, ou até mesmo no próprio dia.

Quando sentem algum problema de saúde e vão ao médico, este precisa adivinhar o que pode ter causado o desequilíbrio, pois se perguntam ao paciente sobre seus hábitos e atitudes em relação ao corpo, estes se mostram totalmente inconscientes destes processos.

Viver de modo consciente significa estar totalmente presente em cada pequeno gesto cotidiano, como andar, comer, banhar-se, limpar a casa, bem como prestar atenção aos sinais que o corpo emite quando algo não vai bem.

O momento do banho é ótimo para que comecemos este treino.

Passe a observar como você toma banho, por que parte do corpo inicia a lavagem, e procure mudar periodicamente, para que este não se torne um hábito mecânico e robotizado.

Sinta o prazer que a água caindo sobre o corpo proporciona, curta este estado de relaxamento.

O segundo estágio da consciência diz respeito à mente.

Procure observar o fluxo de pensamentos constantes que passa por sua mente.

Veja se a maioria deles é positiva ou negativa.

A mente, de modo geral, sempre procura nos focar no passado, nas experiências que não deram certo, nos sofrimentos, ou no futuro, fazendo com que temamos que aquilo se repita.

Portanto, é fundamental que você passe a tomar consciência do tipo de pensamentos que costuma ter, pois esta é a única maneira de você tornar-se senhor da sua mente, ao invés de escravo dela.

O terceiro estágio é a consciência dos sentimentos.

Observe qual o sentimento que está por trás de cada atitude ou reação que você tem aos acontecimentos cotidianos.

Ter consciência dos próprios sentimentos e daquilo que o motiva, é um passo essencial para conhecer a si mesmo e libertar-se do estado de adormecimento em que se encontra a maior parte dos seres humanos.



*Elisabeth Cavalcante*



texto - internet

imagem - somostodosum.ig.com.br

4 comentários:

Paula Moraes disse...

Oi querido amigo Jorge, que interessante esse texto, cheio de lições e ensinamentos...Eu creio que muito desse estado de inconsciência vem muito da falta de tempo...Correndo realmente não conseguimos nos concentrar em nada além do fato de estar em cima da hora...O que é uma pena, pq correndo,correndo vemos nossa vida passar sem nos dar conta.
Grande beijo.

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Muito legal, caro Jorge.E será qte temos consciência? Um abraço.

Lena disse...

Olá meu querido amigo Jorge
Estarei "fora do ar" até dia 1º de agosto, quando virei com novidades na coluna da direita, uma vez que é virada de mês. Me aguarde! Eventualmente, se for possível, postarei alguma texto interessante, mas as idas aos blogs de meus queridos amigos, só terei condições para fazê-las na segunda-feira. Beijos e até a volta!!!
http://amadeirado.blogspot.com
http://alemdasnuvens2011.blogspot.com

ⓣⓔⓡⓔⓢⓐ ⓒⓡⓘⓢⓣⓘⓝⓐ disse...

Oiee!!!
Tomada de consciência....fazer ela é que são elas, mas que compete somente a cada um de nós para melhor viver.
Bela reflexão!
Bons sonhos.bjss♥ e paz!!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails