quarta-feira, 13 de julho de 2011

HUMOR - CASAMENTOS SÃO TODOS IGUAIS


Casamentos são todos iguais
Depois do divorcio...
Ele: - Alô?
Ela: - Pronto.
Ele: - Voz estranha... Gripada?
Ela: - Faringite.
Ele: - Deve ser o sereno. No mínimo tá saindo todas as noites pra badalar.
Ela: - E se estivesse? Algum problema?
Ele: - Não, imagina! Agora, você é uma mulher livre.
Ela: - E você? Sua voz também está diferente. Faringite?
Ele: - Constipado.
Ela: - Constipado? Você nunca usou esta palavra na vida.
Ele: - A gente aprende.
Ela: - Tá vendo? A separação serviu para alguma coisa.
Ele: - Viver sozinho é bom. A gente cresce.
Ela: - Você sempre viveu sozinho. Até quando casado só fez o que quis.
Ele: - Maldade sua, pois deixei de lado várias coisas quando a gente se
casou.
Ela: - Evidente! Só faltava você continuar rebolando nas discotecas com
as amigas.
Ele: - Já você não abriu mão de nada. Não deixou de ver novela, passear
no shopping, comprar jóias, conversar ao telefone com as amigas durante
horas... (Silêncio).
Ela: - Comprar jóias? De onde você tirou essa idéia? A única coisa que
comprei em quinze anos de casamento foi um par de brincos.
Ele: - Quinze anos? Pensei que fosse bem menos.
Ela: - A memória dos homens é um caso de polícia!
Ele: - Mas conversar com as amigas no telefone...
Ela: - Solidão, meu caro, cansaço... Trabalhar fora, cuidar das crianças e
ainda preparar o jantar para o HERÓI que chega à noite...
Convenhamos, não chega a ser uma roda-gigante de emoções...
Ele: - Você nunca reclamou disso.
Ela: - E você me perguntou alguma vez?
Ele: - Lá vem você de novo... As poucas coisas que eu achava que estavam
certas...Isso também era errado!?
Ela: - Evidente, a gente não conversava nunca...
Ele: - Faltou diálogo, é isso? Na hora, ninguém fala nada. Aparece um
impasse e as mulheres não reclamam. Depois, dizem que faltou diálogo. As
mulheres são de Marte.
Ela: - E vocês são de Saturno! (Silêncio... )
Ele: - E aí, como vai a vida?
Ela: - Nunca estive tão bem. Livre para pensar,ninguém pra me dizer o
que devo fazer...
Ele: - E isso é bom?
Ela: - Pense o que quiser, mas quinze anos de jornada são de enlouquecer
qualquer uma.
Ele: - Eu nunca fui autoritário!
Ela: - Também nunca foi compreensivo!
Ele: - Jamais dei a entender que era perfeito. Tenho minhas limitações como
qualquer mortal..
Ela: - Limitado e omisso como qualquer mortal.
Ele: - Você nunca foi irônica.
Ela: - Isso a gente aprende também.
Ele: - Eu sempre te apoiei.
Ela: - Lógico. Se não me engano foi no segundo mês de casamento que você
lavou a única louça da tua vida. Um apoio inestimável... Sinceramente, eu
não sei o que faria sem você? Ou você acha que fazer vinte
caipirinhas numa tarde para um bando de marmanjos que assistem ao jogo
da Copa do Mundo era realmente o meu grande objetivo na vida?
Ele: - Do que você está falando?
Ela: - Ah, não lembra?
Ele: - Carla, eu detesto futebol.
Ela: - Carla!? Esqueceu meu nome também? Alexandre,você ficou louco?
Ele: - Alexandre? Meu nome é Ronaldo! ... Silêncio...
Ele: - De onde está falando?
Ela: - 2578 9922.
Ele: - Não é o 2579 9222?
Ela: - Não.
Ele: - Ah, desculpe, foi engano.


(Luiz Fernando Veríssimo)


texto - internet
imagem - nacodeprosa.blogspot.com

11 comentários:

Bloguinho da Zizi disse...

ooooooooooooopsssssssssss........

Tudo igual!!!!

beijinhos Jorge

Lindalva disse...

boa tarde querido amigo muito boa esta do Veríssimo. Teu voto foi computado com sucesso no pena de ouro. beijos

ArcadoAutoConhecimento disse...

Olá Jorge. Dei umas boas gargalhadas. O final é surpreendente. Adorei, amigo. Beijos.

Hana disse...

Abri meu e-mail e lá estava vc, com lições, então me animei e resolvi correr em meu blog e fazer uma postagem, então meu muito obrigada por estar sempre ao meu lado de todas as formas como irmão sempre, ao seu lado sou aprendiz!
Amei esta lição, entao ao meu mestre com carinho!!!

Apaixone-se

Apaixone-se definitivamente pelo SEU sonho
(o sonho de ninguém deve ser mais apaixonante que o seu).
Apaixone-se por sua família
(mesmo que ela não seja do jeito que você planejou, ainda assim, ela é a sua família).
Apaixone-se pelo SEU talento
(mesmo que seu lado crítico insista para você escolher realizar outras coisas, mais "convenientes").
Apaixone-se mais pela viagem do que pela chegada a seu destino (a primeira é garantida.).
Apaixone-se pelo SEU corpo
(mesmo que ele esteja fora de forma, pois de "qualquer forma" ele é a única casa que você realmente possui).
Apaixone-se pelas suas memórias mais deliciosas
(ninguém pode tirá-las de dentro de você e elas são excelentes fontes de inspiração em momentos de dor).
Apaixone-se por aquelas besteiras saudáveis que passam por sua mente entre um e outro momento de estresse (elas ajudam a sobreviver!).
Apaixone-se pelas pessoas que estão ao seu lado na caminhada do dia-a-dia (a pessoa certa é aquela que está definitivamente do seu lado).
Apaixone-se pelo sol (ele é fiel, gratuito, absolutamente disponível e dá prazer).
Apaixone-se por alguém
(não espere alguém se apaixonar antes por você, só por garantia e segurança).
Apaixone-se pelo SEU projeto de vida
(acredite, a vida é só sua!).
Apaixone-se pela dança da vida, que está sempre em movimento dentro da gente, mas que, por defesas nós teimamos em aprisionar.
Apaixone-se mais pelo significado das coisas que você conquistar do que pelo seu valor material.
Apaixone-se por SUAS idéias
(mesmo que tenham dito que elas não serviam pra nada).
Apaixone-se por SEUS pontos fortes
(mesmo que os pontos fracos insistam em ficar em alto relevo no seu cérebro).
Apaixone-se pela idéia de ser verdadeiramente feliz
(felicidade encontra-se de sobra nas prateleiras de seus recursos interiores).
Apaixone-se pela música que você pode ser para alguém...
Apaixone-se por SER HUMANO!
Apaixone-se definitivamente por VOCÊ!

APAIXONE-SE RÁPIDO! O PODER DE DECISÃO SÓ PERTENCE A VOCÊ!

Autor Desconhecido

Denise disse...

Como já conhecia, reli.
É um texto surpreendente, o reflexo triste de uma verdade impensada.

Beijos

Paula Moraes disse...

Oi Jorge, obrigada pela visita e pelo comentário, querido seu post é lindo, um texto show. Muito bem pensado...rs
Olha só, estou levando um banho no concurso de poesias, não tenho tantos seguidores, então preciso apelar para os mesmos...rs Cada blog seu tem direito a um voto por dia...Se puder me ajudar agradeço.
Boa noite amigo.
bjs

Estrela disse...

Só podia ser do Luiz Fernando Veríssimo, não é? Muito espirituoso! Rsrsrsrs
Fique bem, Jorge.
Beijos!

falando.com (quem quiser ouvir) disse...

Amigo Jorge,

Obrigado pelas belas palavras de incentivo!
Luiz Fernando Veríssimo é o máximo!

Grande abraço,

Fernando C. Salgado.

Vera disse...

Obrigada pela visita querido amigo.

Voce me traz muita paz.

UM ABRAÇO

soniaconsult disse...

hahahaha
obrigado por alegrar meu dia!!
Hoje que vi teu convite para o selo
teu comentário estava como spam.
obrigado
estou levando
bjos

Sheila - Blog "Passarinhos no Telhado" disse...

Se eu contar ninguém acredita...mas esses dias, em uma tarde fria quando eu ia saindo para passear com a minha cachorra... advinha quem eu encontro perdido na minha rua...sim ele mesmo... o Luis Fernando Veríssimo! Levei um susto! Um agradável susto!
Um abraço!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails