segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

UM TEMPO A MAIS


No parque, uma mulher sentou-se ao lado de um homem em um banco, perto do playground.

Aquele, logo ali, é meu filhodisse ela, apontando para um pequeno menino usando um suéter vermelho e que deslizava no escorregador.

Um bonito garoto respondeu o homem, e completou: aquela, usando vestido branco, pedalando sua bicicleta, é minha filha.

Então, olhando o relógio, o homem chamou a menina. Filha, o que você acha de irmos?

A garota suplicou: mais 5 minutos, pai. Por favor. Só mais 5 minutos. O homem concordou e melissa continuou pedalando sua bicicleta, para alegria de seu coração.

Os minutos se passaram e o pai levantou-se novamente e falou para a filha: hora de ir agora?

Outra vez ela pediu: mais cinco minutos, papai. Só mais cinco minutos. O homem disse: está certo!

O senhor certamente é um pai muito paciente! Falou a mulher.

O homem, com um sorriso um tanto melancólico, falou: o meu filho mais velho foi morto por um motorista bêbado no ano passado, quando pedalava sua bicicleta perto daqui.

Eu nunca passei muito tempo com ele e agora eu daria qualquer coisa por apenas mais cinco minutos com meu filho.

Eu me prometi não cometer o mesmo erro com a irmã dele.

Ela acha que tem mais cinco minutos para andar de bicicleta. Mas, na verdade, eu é que tenho mais cinco minutos para vê-la brincar.

Com a agitação da vida moderna nem sempre nos damos conta da importância de dedicar um pouco mais de tempo para nossos amores.

Sob o império do relógio, estamos sempre apressados, atrasados, atropelados e atropelando os passos despreocupados dos pequerruchos.

Tanto isso é uma realidade, que encontramos muitas crianças contaminadas pelas neuroses dos pais.

Num período de tempo em que a criança deveria andar devagar, observar o mundo ao seu redor, esse mundo totalmente novo para ela, muitas já são vítimas da correria desenfreada que os pais lhes impõem.

A criança entra numa roda viva em que não tem tempo de brincar, de conversar com um amiguinho, de observar despreocupadamente uma vitrine, uma cena da natureza, pois é arrastada pelas mãos nervosas de pais que estão sempre correndo, sempre em busca de um tempo que já se foi.

Você que é mãe ou pai, faça uma pequena pausa no seu dia, repense suas atividades, estabeleça prioridades e considere a importância de 5 minutos a mais de atenção aos filhos. Sejam eles crianças, adolescentes, jovens ou adultos.

Dia desses, uma mãe nos disse que seu filho é uma pérola preciosa de valor incalculável. E falou isto com o coração cheio de ternura. O filho tem quase 30 anos, mas a mãe o conhece muito bem e sabe o valor que ele tem.

Certamente ela o acompanha desde o ventre, dando-lhe atenção e carinho sem se preocupar com o relógio, embora não negligenciando com suas obrigações.

Hoje em dia, muitos pais só sabem enumerar os defeitos dos filhos, porque não têm tempo de conhecer suas virtudes, nem de apreciá-las.

O que ressalta é sempre o fato de estarem atrasados para levantar, para se deitar, para ir à escola ou ir para o curso disto ou daquilo.

O tempo passa breve e um dia os filhos crescem, se casam, ou viajam para a pátria espiritual. E deixam, nos pais descuidados, uma enorme sensação de vazio, por não ter percebido que os minutos se transformaram em anos.

Por todas essas razões, pare um pouco e se pergunte: quais são as minhas prioridades?

E pense na possibilidade de dar a alguém que você ama mais cinco minutos de seu tempo, ainda hoje!

***

O rio das horas, corre, levando em suas vibrações-tempo as oportunidades perdidas.


Equipe de Redação do Momento Espírita, com base em fatos reais.


endereço: http://www.momento.com.br/pt/ler_texto.php?id=909&let=T&stat=0imagem:
http://minicontosanamello.blogspot.com

14 comentários:

Jeanne disse...

Estou trabalhando em um conto sobre o lado B. No facebook estou conhecendo um pouco do teu lado B, óbvio que não o verdadeiro, o inconfessável, mas como te mostras aos outros, e confesso que te imaginava mais sério, compenetrado.
Muito legal o teu senso de humor, a gente ri muito dos teus comentários,rsrsrs
Beijos

Jorge disse...

Jeanne,

sou realmente uma pessoa alegre e brincalhão. Faz parte de mim.
Levo a vida a sério, mas com sorriso.

Um beijo, Coração!!!

mentoresdeluz.blogspot.com disse...

AMIGO QUERIDO QUE MENSAGEM TÃO PROFUNDA,QUE NOS FAZ RETROCEDER ANALIZAR NOSSAS ATITUDES E COMPORTAMENTO ALGUEM DIRÁ MAS O QUE SÃO CINCO MINUTOS A MAIS OU DE MENOS
PODEM REPRESENTAR UMA VIDA,PERDIDA OU VIVIDA. DEUS TE ABENÇOE COM MUITA LUZ
TENHA OTIMA SEMANACOM CARINHO
MARLENE

Jorge disse...

Marlene,

perder tempo pode ser ganho de vida.
Valorizar pessoas, estar com elas creio ser mais importante que ter o controle do tempo.
O que é o tempo ante a vida sem viver?

Um beijo!

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

DEVEMOS SEMPRE VALORIZAR AS PESSOAS DANDO A ELAS UMA PARTE DO NOSSO TEMPO,SABE JORGE EU DEVERIA TER LIDO ESSE TEXTO A MUITOS ANOS ATRÁS QUANDO MINHA FILHA AINDA ERA PEQUENA ,MUITA COISA PODERIA TER SIDO DIFERENTE,
MAS TUDO BEM OBRIGADO PELO TEXTO!
BEIJO

Kelly disse...

Por isso faço questão de acompanhar minha Sofhia em tudo!!! beijos

ValériaC disse...

Maravilhoso e verdadeiro texto amigo...
É preciso que as pessoas repensem suas prioridades, que elas percebam o que realmente na vida tem valor...que vejam a importância do momento "presente" estando realmente presentes em tudo o que se propuserem a fazer, para evitar arrependimentos... pois o tempo passa, a vida passa... mais somente o bem e o amor que cultivamos é que permanece e quem não soube fazer este cultivo, colherá o que lhes resta...amarguras.

Querido tenha uma semana divina...plena de amor e união e alegrias...beijos
Valéria

Bloguinho da Zizi disse...

Jorge
O homem chegou a uma loucura tal que joga para os filhos responsabilidades inúteis, esquecendo que o amor, o carinho, a presença são valores eternos.
Apesar dos meus filhos serem adultos, quero todos os 5 minutos possíveis muito tem vividos ao lado deles.
O sentido de família está na convivência, na troca.
Beijinho e ótimo feriado.

Jorge disse...

Eliana,

nunca é tarde para os 5 minutos. Porque o passado fui um aprendizado, teve suas experiências e agora busca valorizar cada tempo em sua vida. Creio que todos nós passamos por isso.

Um beijo, Coração!

Jorge disse...

Keely,
muito bom!!!
Precisamos curtir mesmo.

Beijo, grande coração!

Jorge disse...

Valeria,

o passado sempre valeu com aprendizado. O hoje é a questão. Por isso, quanto mais aproveitarmos do tempo a nosso favor beneficiando principalmente aos que amamos, estaremos mudando o futuro.

Um beijo, Anjo!

Jorge disse...

Zizi,
o sentido de família hoje está pouco valorizado. O mundo é mais importante, mas sem a estrutura amorosa de uma família dificilmente a pessoa se sai bem.

Beijo, Coração!

Socorro Melo disse...

Olá, Jorge!

Um profundo ensinamento, essa mensagem nos traz.
Sempre penso nisso, em aproveitar ao máximo o tempo com os que amo, de me dedicar mais,pois, não sabemos o que nos aguarda o futuro, só temos de certeza, o momento presente.

Excelente partilha.

Socorro Melo

Myriam disse...

O Hoje é para ser vivido até o último instante! Bjs

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails